23 de novembro de 2010

Preces silenciosas


Você sabe o que é uma prece?
Tenho certeza que a maioria da população mundial não sabe o que é uma prece. Dos que acham que sabem, muitos se intitulam incapazes de rezar. “Eu não sei rezar”, é o que eles dizem. Como alguém pode não saber rezar? Mas não vamos começar pelo fim.
Você sabe o que é uma prece?
O Pai Nosso, prece nos deixada por nosso grande Mestre, é sim uma prece. Mas caiu na repetição, na mecanização. Rezamos o Pai Nosso assim como um chinês faz seu trabalho: sem pensar, apenas repetindo as frases sem perceber seu real significado, sem imbuí-las do sentimento tão necessário à prece.
Uma prece, para ser verdadeira, não precisa de palavras.
Precisa de sentimentos.
Quanto tempo alguém não fica sem rezar? Muito, dependendo da pessoa. Eu mesmo não rezo todos os dias (se é que chego a rezar três vezes na semana). Nós simplesmente esquecemos. Chegamos cansados do trabalho ou da faculdade e a única coisa que queremos é deitar na nossa cama e dormir. Isso é um erro. Eles não se esquecem de nós, Ele não se esquece de nós, então não devíamos nos esquecer dele.
Vejo em alguns lugares por aí a seguinte frase: O silêncio é uma prece.
Não concordo.
Se você estiver apenas falando do silêncio de palavras, até vai, mas essa frase tem um significado que vai além. Se não estamos falando, não significa que estamos em silêncio. Nossa mente não para de pensar e ‘falar’ e agir, nosso coração não para de sentir, nosso espírito não fica em silêncio.
O real silêncio é aquele em que não pensamos, sentimos ou agimos. Isso não pode ser uma prece, nunca será, pois ficar em silêncio assim é simplesmente deixar de existir sem morrer.
Uma verdadeira prece não precisa apenas de palavras.
Você pode achar que não, mas reza muito mais do que imagina.
Não precisamos estar em casa, em nossas camas, ou na igreja, no centro espírita ou qualquer que seja a ‘casa’ da sua religião para rezar. Rezamos quando pensamos com carinho na pessoa amada, desejando que nenhum mal lhe aconteça. Rezamos quando pensamos em nossos sonhos, desejando que eles se realizem. Rezamos quando passamos por uma situação de perigo ou simplesmente quando sentimos aquele aperto no peito ao ver algo que não está certo e que queríamos poder mudar.
A verdadeira prece é aquela que vem do coração. Ela, porém, jamais será silenciosa, pois um sentimento grita com muito mais força, mais intensidade do que uma voz jamais poderá fazer.
Se em algum momento do seu dia você sentir vontade de rezar, pare o que está fazendo e se concentre por alguns segundos. Não precisa pensar em nada de especial, apenas agradeça pela vida que, com tanto carinho, nosso Pai nos deu.
Todos sabem rezar.
O que você achou?

0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Online Project management