20 de setembro de 2010

(O que é o amor?)²

Um dia eu estava conversando com minha grande amiga Paloma (vocês já devem conhecê-la de tanto que já falei dela aqui. Inspirações, comentários, outras conversas, temas e textos.. ;D te amo Paah!).

Estávamos conversando sobre diversos temas, não me lembro de todos agora, só que chegou um momento onde ela me perguntou: “O que é o amor para você Guh?”.

O que é o amor pra mim...

Escrevi um texto sobre o amor aqui já. Na verdade, foi o meu primeiro texto. Para ele eu me inspirei nos versos da música Monte Castelo do Renato Russo, que, por sua vez, se inspirou em Paulo e Camões. Dessa vez não vou usar ninguém como inspiração, apenas meus sentimentos.

O amor pra mim? O amor é tudo aquilo lá que eu escrevi no primeiro texto, mas, exemplificando, o amor é estar junto, é demonstrar esse amor, é sentir saudade quando está longe, é se importar com a pessoa e sofrer com e por ela. Amor é chorar e sorrir, abraçar, se afastar, beijar e andar de mãos dadas e também simplesmente ficar ao longe. É sentir-se satisfeito apenas por observar a pessoa dormir, desejar sonhar com ela, sonhar com ela e acordar feliz por isso.

Amor é querer encontrar a pessoa depois de um dia normal só para levá-la para casa (Ok, aqui usei sim um trecho de música). É ficar tranqüilo ao sentir seu cheiro, é sentir um cheiro e lembrar da pessoa amada, conhecer cada um dos seus perfumes...

Amor é colocar em palavras aquilo que se sente ou simplesmente não colocar, é escrever para aquela pessoa, por aquela pessoa, inspirado naquela pessoa. Amor é dedicar grande parte do seu tempo escrevendo um livro para alguém, ou apenas gastá-lo pensando nela. É se lembrar dela a cada instante, em cada mínimo detalhe, é, mesmo fazendo outras coisas que ocupem a mente, ter um pedacinho que esta sempre voltado para lá, imaginando o que ela estaria fazendo, em que estaria pensando, se você é um desses pensamentos.

Amor é desejar o bem, sem se importar realmente se é com você que ela está ou não. O amor é incondicional, completamente imaterial, mas ainda sim palpável. Amor sobrevive ao tempo, intensifica-se com ele. Amor é compreensão e aceitação, é, mesmo a pessoa estando longe e com outro, você continuar amando-a, desejando-a, esperando e tendo esperanças.

É fazer um carinho, não apenas por querer agradar, mas também porque você se sente bem ao fazer isso. É se contentar em apenas ficar juntos abraçados sem falar nada, ou conversar mesmo sem se tocar. É beijar intensamente e apreciar cada segundo desse beijo.

Acima de tudo, amor é sentir. Sentir cada uma dessas coisas com mais intensidade do que jamais poderíamos sentir de outro jeito. Quem ama, realmente sabe que ama, quando sente tais coisas sem esperar nada em troca da outra pessoa. Amor talvez seja sofrer em silêncio, apenas esperar que um dia algo possa dar certo. Amor é esperança, pois, sem ela, não há amor.

Eu agradeço sempre que posso, fico feliz a cada instante, apenas por saber que posso amar alguém com toda a intensidade que já amei. É simplesmente maravilhoso saber que sou capaz de tão sublime sentimento.

O amor, somo nós, juntos ou separados, mas sempre unidos.

Amor é tudo.

O amor, é o amor.

Obs.: Este texto não foi feito para ninguém em especial.

O que você achou?

2 comentários:

Pa²H (: disse...

aaaah
ele se inspira em mim *-*
o amor somos nós ²

Gustavo dos Reis!!! disse...

ahh sempre!!
vc eh uma inspiração para qlqr pessoa!
um privilégio ter vc como amiga, poder te amar!
;D

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Online Project management