17 de janeiro de 2011

E uma outra vida começa

Até onde você iria para sempre sonhar?
O quão alto subiria pra nunca deixar de amar?
Conseguiria controlar seus medos,
Deixar fluir seus desejos?
Até onde você desceria para proteger esse sonho?
Me diga, o que você mataria para salvar a sua vida?
Não essa que te habita,
Mas aquela que entrou em seu corpo
E pra sempre fez morada,
Aquela que não fazia parte de você,
A sua mulher amada,
Ela que levará junto sua alma
Se um dia não estiver mais por aqui...
Ninguém acreditará nesse amor,
Dirão que é apenas um algo incerto,
Mas me diga, o que você mataria para provar que está certo?
Quantos furacões enfrentaria para mostrar que é o correto?
Que a sua vida hoje não teria mais sentido,
Que sem ela você jamais teria realmente vivido...
Ao alto de qual pedra subiria para provar o seu amor?
E quando lá chegasse,
Teria forças para levantar se alguém te derrubasse?
Quantos inimigos enfrentaria?
Quantas espadas destruiria?
Quantos com os próprios punhos não mataria...?
Prove que o seu amor é verdadeiro,
Que ele simplesmente é você por inteiro!
Quantas vezes a escalaria e de lá se jogaria
Se fosse o certo a fazer para salvar a vida dela?
E se o seu coração parasse de bater,
Com os próprios punhos o forçaria a voltar a viver?
O quanto agüentaria correr se fosse preciso fazer?
A que profundezas chegaria pela sua própria existência?...
E se um dia ela chegasse a morrer?
Correria através da noite sem nunca se deixar vencer?
Voaria através da luz se fosse necessário fazer?
Milhares de vezes se assim pudesse fazê-la voltar a renascer.
Porque sei que nesse dia eu também vou deixar de viver...
O que você achou?

1 comentários:

Ricardo disse...

Dependendo do amor, eu faria muita coisa inimaginavel; e não falo só de amor entre homem e mulher não, mas amor entre irmãos, pais, seu cachorrinho... seus Amigos.
Creio que para um amor verdadeiro não existe barreiras, limites, medos, não existe "O impossível".
Quem dera um dia encontrar um amor assim...

E lembre-se que grandes realizações e grandes amores envolvem grandes riscos, por isso nem todos estão dispostos a amar...

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Online Project management