17 de março de 2011

Deixe-os serem o que quiserem!


Além da morte, há uma outra certeza na vida de toda pessoa: somos diferentes.
Não existem duas pessoas iguais, nem mesmo gêmeos univitelínicos podem dizer: não, nós somos sim iguais em tudo. Ainda que o corpo seja idêntico, a personalidade é outra, o jeito de ser muda, a essência da pessoa muda.
As diferenças estão e sempre estiveram ai. Será que, depois de tantos séculos, não devíamos ter aprendido a lidar com elas?
É, mas não aprendemos.
Existem diferenças de classes sociais, de cor, de raça, religião, gostos musicais, de profissão... diferenças são inúmeras, impossível citar todas.
Há uma que, no meio de tantas, se destaca nessa época em que vivemos.
Desde sempre o sexo foi presente na vida do ser humano, desde antes mesmo de nos tornarmos humanos, e sempre existiram diferenças também nessa área, a diferença é que hoje elas são conhecidas de todos.
Qual seria exatamente o problema de ser homossexual?
Para muitos, isso é um “crime inafiançável”. Só que isso sempre esteve inserido na sociedade! Homossexuais fazem parte do meio desde que o meio se tornou meio! Quantas pessoas não passam a tratar mal alguém quando descobrem que ela é diferente no aspecto sexual? Muitas, com certeza.
Só que esse é um grande erro.
A frase, que já virou ditado popular, “Deus deu a vida para cada um cuidar da sua”, se encaixa perfeitamente nesse aspecto.
O fato de alguém ser ou não homossexual não o torna menos inteligente ou menos humano, digno de pena ou desprezo. É mais uma diferença entre tantas que existem, e todos devem entende e respeitar, assim como deve-se respeitar alguém que gosta de samba quando você gosta de rock.
O desafio de conviver com as diferenças talvez seja um dos maiores pelos quais passamos. O que não devemos fazer é deixar que isso interfira na nossa vida e, principalmente, não devemos tentar interferir na vida das outras pessoas.
Que direito um homem acha que tem de assassinar uma pessoa só porque ela é homossexual? Que crime tal pessoa cometeu? Primeiro que ninguém tem o direito de matar ninguém, mas muito menos por um motivo desses!
Quantos homossexuais não vemos sendo espancados até quase a morte ou até mesmo à morte simplesmente por eles serem homossexuais...
Está na hora de amadurecer, da sociedade amadurecer, de cada uma das pessoas e também do sistema. Hoje é comum os países permitirem casamentos entre homossexuais e isso só deve se expandir cada vez mais. E é exatamente o que deve acontecer. Eles têm tantos direitos quanto os heterossexuais de se casar e criar seus filhos.
Está na hora não só das pessoas, mas também do que as forma, amadurecer. Uma grande formadora de opinião é a religião, e há aquelas espalhadas por aí que pregam que ser homossexual é errado, que as pessoas que são serão punidas por isso. As religiões muitas vezes despertam o ódio de “pessoas normais” contra gays e lésbicas, e esse ódio irracional é movido apenas pela ignorância, pelo desprezo injustificado.
Está na hora de isso acabar. Não podemos dizer que vivemos em uma sociedade justa quando há ainda tantos injustiçados pela sua opção sexual. Está na hora das pessoas pararem e pensarem, entenderem ou pelo menos aceitarem que alguém pode ser o que quiser desde que isso não prejudique outros, e um homossexual não prejudica ninguém pela sua opção. É apenas uma escolha, como tantas outras que tomamos na vida.
O que você achou?

0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Online Project management