5 de agosto de 2011

O Aniversário

E um ano se passou.

Faz pouco mais de um ano – alguns dias apenas – que o primeiro texto foi postado aqui. Desde lá seguiram-se outros 498 posts, incluindo, textos, fotos, frases, letras de música e por aí vai. Tudo o que possui palavras e tem algum significado digno de ser divulgado, mostrado, apreciado, apreendido, pode vir parar nas paginas deste blog. Bem, então isso significa que este é o post de número 500.

Que belo número não? Bem significativo e mais do que apropriado para comemorar o primeiro ano de existência do “Brisas e Pensamentos”.

Nestas páginas você vai, com certeza, encontrar de tudo e um pouco mais além daquilo que você esperava. Vai encontrar textos falando de amor, paixão, trevas, luz, dos elementos, dos “Herdeiros da Luz” e de outros mais de duzentos marcadores de assuntos diferentes.

Você vai encontrar narrativas, dissertações, crônicas, poesias, declarações...

Mas, principalmente, você vai encontrar sentimentos.

Comecei a escrever de verdade há pouco mais de um ano. Na verdade, criei este blog alguns dias, talvez pouco mais de uma semana, depois de terminar de escrever meu primeiro livro, “Herdeiros da Luz – O Início da Guerra das Sombras”. Livro este que comecei a escrever quando estava no terceiro colegial, mas isto não vem ao caso agora.

O que vem ao caso é que fazia algum tempo que eu pensava em criar um blog. Mas eu também pensava: “Será que eu vou conseguir escrever textos suficientes para manter o blog atualizado?”. Eu tinha medo de que o blog acabasse ficando parado e desinteressante. Afinal, eu não fazia ideia ainda de como realmente escrever um texto, nem mesmo se conseguiria escrever vários textos.

Resolvi fazer um “teste” antes. peguei papel e lapiseira e comecei a tentar escrever alguma coisa. Surpreendentemente as palavras fluíram com facilidade, fluidez, pelo papel. Em pouco tempo eu tinha meu primeiro texto pronto. Percebi que a inspiração ainda não tinha acabado. Peguei uma outra folha de papel e me pus a escrever o segundo texto. Em menos de dez minutos terminei-o também.

Dentro de mim pulsava uma estranha energia, uma afobação, uma ansiedade, uma vontade que, antes era de fazer algo que eu não sabia o que era, uma vontade que me deixava inquieto por não conseguir colocá-la para fora, porque não sabia o que essa vontade queria que eu fizesse.

Naquela noite descobri que ela queria que eu escrevesse.

Quando parei, havia sete textos diferentes na minha frente, escritos em menos de uma hora, um atrás do outro, cada um com o seu tema e significado, seu sentimento. Descobri que escrever não era tão difícil assim, não para mim.

Durante dois meses inteiros eu postei, simplesmente, um texto diferente em cada dia, sem deixar falhar nenhum deles. Era incrível como, de uma hora para a outra, eu me sentia tão à vontade com as palavras! Era só sentar na frente do computador e me colocar a digitar que em poucos minutos eu tinha um texto novo e original na minha frente. Descobri uma nova paixão, um novo amor.

A escrita me ensinou diversas coisas, coisas que não sabia que sabia e coisas que eu não sabia mesmo e que aprendi assim, apenas escrevendo.

Nesse um ano que tenho esse blog aprendi muito mais do que poderia ter aprendido se não o tivesse. E uma coisa eu posso garantir! Ainda que eu não esteja tão freqüente aqui como antes, e talvez um pouco menos de segunda em diante, o “Brisas e Pensamentos” não vai acabar, pois este agora é um amigo meu, um confidente, companheiro inseparável. Que venha o próximo ano!

Obrigado a todos os que já passaram por aqui.

Até a próxima!

O que você achou?

1 comentários:

Anônimo disse...

Parabéns pelo aniversário!!
E nunca pare de escrever, viu?!
Bjos,

Amanda Marchini

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Online Project management