18 de abril de 2011

Ele: eu desisti de procurar uma semana antes de falar com vc no twitter aquela vez, sabia?


Ela: jura?


Ele: juro pra vc, quando não deu certo com a anterior, eu cansei, de verdade, cansei mesmo. Ia mandar ir se foder tudo o que os outros pudessem estar pensando de mim e ia aproveitar minha vida, não ia mais começar nada pensando em namoro, ia ficar, apenas isso. Tanto é que tentei ficar com a aquela garota.


Ela:Jura q tentou ficar com ela?


Ele: Ahan... Porque era isso q eu tinha decidido sabe? Desistir de procurar o amor verdadeiro. Ele não existia, não ia encontrá-lo, tinha me conformado em amar sem ser amado aquela mesma garota de tanto tempo.


Ela: =/


Ele: na verdade eu estava decidido a, depois, quando eu tivesse um trabalho melhor e mais dinheiro, tentar de novo. Quem sabe eu não conseguia terminar com o noivado dela não é?


Ela: Oo


Ele: Eu sabia que ela gostava de mim (ou pelo menos ela disse que gostava) e o que sempre atrapalhou foi a distância. Se eu conseguisse eliminá-la... Mas isso era coisa pra mais uns 2 anos ainda . Ela já terminou um namoro por mim, porque não outro? Só que ai apareceu você e mudou tudo que eu tinha escolhido pra fazer. Começou a fazer eu me apaixonar sem que eu quisesse isso, e quando eu vi já era tarde demais.


Ela: Jura?


Ele: não tinha mais volta, eu não queria que tivesse volta


Ela: *-*


Ele: Eu não pensava em namoro quando marquei aquele dia na praça. Eu ia ficar com você, só isso, beijar bastante, aproveitar bastante, mas não ia passar disso. Só que você não deixou, você mudou tudo. E eu agradeço por isso.


Ela: Quando você viu q tava se apaixonando por mim?


Ele: Uma semana depois do primeiro beijo, mais ou menos.


Ela: Jura?


Ele: Um pouco antes talvez...acho q em três dias eu já pensava mais em você do que eu queria pensar.


Ela: *-*. Sério mesmo?


Ele: Sério. E isso em irritou um pouco no começo, porque eu não queria me apaixonar.. e não era por você, mas por ninguém... mas ai agente se encontrou de novo e eu me encantei mais ainda, e aqueles dias na praça foram maravilhosos, maravilhosos mesmo, amei cada segundo deles.


Ela: Eu também amei amor.


Ele: E uma semana e meia depois, eu já pensava em te pedir em namoro, já queria muito te pedir em namoro, mas eu tinha medo de ser precipitado mais uma vez. Por isso que fiz você falar disso no dia do bosque no dia 5. Lembra q eu perguntei: mas você não quer namorar?


Ela: Lembro.


Ele: Era só pra poder colher maduro e ter algum lugar onde pisar. Só pra saber se você queria ou não. Não precisava ser comigo, mas só pra saber se você tinha vontade de namorar com alguém. Se você dissesse não, eu não ia te pedir em namoro aquele dia.


Ela: É lógico q eu tinha.


Ele: Mas eu não sabia né?


Ela: É.. Hihi.


Ele: Como você disse sim, ainda que entre aspas, eu tomei coragem.


Ela: Porque amor? Porque você se encantou por mim? N consigo achar motivo, de verdade. Juro pra você.


Ele: porque você acha que não tem nada encantador? Quantos já não se encantaram por você amor? Você tem uma graça natural, o seu jeito de sorrir é lindo, espontâneo, feliz, alegre!


Ela: Sempre achei.. Sempre me achei sem sal amor.. Tipo romantiquinha demais sabe? E ninguém gostava disso.


Ele: Você era exatamente aquilo que eu sempre quis, alguém romântico que nem eu, que pensava como eu, que tinha as mesmas ideias. Foi isso que fez eu me encantar por você no começo. E amor, eu sempre me achei sem graça nenhuma. Você vê alguma graça em mim?


Ela: Toda graça do mundo.


Ele: Toda graça? Antes mesmo de me conhecer direito você achava isso? Cite algumas então.


Ela: Ahan.. Eu falei pra você, quando você chorou por ela, eu disse.


Ele: Disse o que?


Ela: Que você tinha coragem de sentir, de gostar sabe? Você se permitia.. E eu achava isso lindo em você.. N existem mais meninos como você amor.. Você tinha uma luz.. Juro! Eu sempre quis alguém assim.. Eu sempre te achei bonito, sempre mesmo e quando você tava chorando por ela, alguma coisa me dizia pra ir abraçar você.. Tipo, você tava chorando por uma menina.. E isso pra mim era tudo q eu sempre quis. Então eu fui sabe? Sem nenhuma intenção. Mas sei lá, você tinha um sorriso lindo amor, de verdade.


Ele: Eu fiquei muito, muito agradecido mesmo por você me abraçar e me amparar aquele dia sabia? Você nem me conhecia direito e tava lá, abraçando um cara de 18 anos q chorava como um bebe.


Ela: Mas mesmo chorando eu sentia q você era forte, que aquilo tava acabando com você. N queria te ver chorar e odiei quando ela foi te abraçar. Querendo ou não ela tava colocando esperança em você de novo e odiei isso.


Ele: Eu sabia q não tinha esperanças. Eu não fiquei com mais esperanças por causa do abraço.


Ela: Mas o q eu mais gostei foi isso amor. Você tinha coragem de sentir, coragem de se apaixonar e falar que gostava, demonstrar que gostava. E quando fui te conhecendo melhor, nos dias lá da praça, sei lá, fui vendo q você era carinhoso, romântico, um verdadeiro príncipe. E eu gostei de você, gostei mesmo.


Ele: "Verdadeiro príncipe" é demais não?


Ela: Não, amor.. Não é. Sério.


Ele: *--*


O que você achou?

0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Online Project management