13 de fevereiro de 2012

Resenha: Jogos Vorazes

Título: Jogos Vorazes
Autor: Suzanne Collins
Série: Jogos Vorazes
Editora: Rocco
Páginas: 397
Skoob: Livro

Katniss escuta os tiros de canhão enquanto raspa o sangue do garoto do distrito 9. Na abertura dos Jogos Vorazes, a organização não recolhe os corpos dos combatentes caídos e dá tiros de canhão até o final. Cada tiro, um morto. Onze tiros no primeiro dia. Treze jovens restaram, entre eles, Katniss. Para quem os tiros de canhão serão no dia seguinte?...

Após o fim da América do Norte, uma nova nação chamada Panem surge. Formada por doze distritos, é comandada com mão de ferro pela Capital. Uma das formas com que demonstram seu poder sobre o resto do carente país é com Jogos Vorazes, uma competição anual transmitida ao vivo pela televisão, em que um garoto e uma garota de doze a dezoito anos de cada distrito são selecionados e obrigados a lutar até a morte!

Para evitar que sua irmã seja a mais nova vítima do programa, Katniss se oferece para participar em seu lugar. Vinda do empobrecido distrito 12, ela sabe como sobreviver em um ambiente hostil. Peeta, um garoto que ajudou sua família no passado, também foi selecionado. Caso vença, terá fama e fortuna. Se perder, morre. Mas para ganhar a competição, será preciso muito mais do que habilidade. Até onde Katniss estará disposta a ir para ser vitoriosa nos Jogos Vorazes?

Este livro é um daqueles que se inicia pela capa. Sem muitos detalhes, a capa negra me atrai, assim como os relevos dourados nas palavras e no desenho. É um conjunto muito belo. O nome também é outra coisa que já dá pontos ao livro. “Jogos Vorazes”. Até parece nome de história de terror sangrento.

Katniss, a personagem principal, não é uma típica heroína que desperta a paixão dos leitores, mas, ainda assim, ela fez isso comigo. Um tanto silenciosa e prática, buscando sempre a melhor forma de sobreviver, não importa como, ela não se deixa levar pela imaginação, por fantasias ou coisas assim. Afinal, de que adianta imaginar uma revolta contra a Capital? Isso não vai colocar comida na mesa para a sua irmã e sua mãe.

De repente, Katniss se vê oferecendo-se para participar dos Jogos que odeia, se vê envolvida naquilo que sempre tentou fugir, para salvar sua irmã do que seria uma morte certa para ela.

Em um dia, está na sua humilde casa no Distrito 12, no outro, na odiada Capital, que oprime a todos e ainda faz disso uma diversão para os que moram onde o país é governado.

O livro é narrado em primeira pessoa, o que já me agrada, e é em pleno tempo real, com Katniss narrando tudo conforme acontece, como se estivesse escrevendo as páginas para nós enquanto mata, foge, tenta sobreviver. A leitura é envolvente e te prende irresistivelmente (terminei o livro em dois dias), e cada página virada te faz querer saber o que acontecerá na próxima, quem será o próximo a morrer, como ele vai morrer. Eu me peguei, também, me emocionando com certos acontecimentos e, confesso, em certo momento, lágrimas subiram aos olhos.

A escrita de Collins é simples e clara, sem palavras complicadas ou um jeito de parecer mais “belo”. Ela narra o que acontece com perfeição e nos faz enxergar com clareza o ambiente da arena onde os Jogos acontecem, imaginar as cenas, os movimentos. Agora que paro para pensar, vejo que criei um filme inteiro para os Jogos Vorazes na minha mente durante a leitura, com cada detalhe muito bem definido

Felizmente, ainda há dois livros depois desse, e não faço a mínima ideia do que aguarda. Seguindo o que o primeiro me passou, tenho certeza que a leitura não será menos do que muito boa, mas, muito provavelmente, será tão maravilhosa e empolgante quanto o primeiro da trilogia.
O que você achou?

3 comentários:

Carissinha disse...

Eu amo a série Jogos Vorazes. É uma ideia muito boa e a Suzanne tem uma escrita muito boa.

Gostei muito da resenha.

Beijos!

Gustavo R. Fragazi disse...

Sim, concordo com você! Só li o primeiro ainda, mas acredito que os outros dois são igualmente bons!

Beijo!

Multilingual SEO Services disse...

Check out this website http://tophhogascar.com/hydrogen-generator-test-results-on-nbc-news/ it explains exactly how to build solar panels using do it yourself methods.

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Online Project management